Goiás

Palmeiras

Há oito anos, Goiás aplicava goleada histórica em cima do Palmeiras no Estádio Serra Dourada; relembre gols

Veja vídeos dos melhores momentos da partida

Por: Danyela Freitas 21/09/2022 22:51

O dia 21 de setembro de 2014 ficou marcado na lembrança da torcida esmeraldina. Naquele dia, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, o Goiás recebeu o Palmeiras pela 23ª rodada do Brasileirão de 2014. Em resumo, na ocasião, o time paulista era o lanterna do torneio, além de ter a defesa mais vazada do campeonato. Por outro lado, com a vitória, os goianos subiram para a 10ª colocação.

A saber, o clima no Palmeiras não era bom e isso só piorou após a derrota em Goiânia. Na época, o time palestrino contava com o zagueiro Lúcio na equipe titular. Com gols de Ramon, Esquerdinha, David, Thiago Mendes, Welinton Junior e Erik, o Goiás venceu por 6 x 0. Na época, após o gol marcado, Erik se tornou o artilheiro do time goiano, com seis gols.

Leia mais sobre o Goiás:

Elenco do Goiás em 2014

Além dos jogadores citados, o Esmeraldino também tinha em seu plantel o goleiro Renan, Túlio Rocha (atual treinador da equipe sub-13 do Atlético-GO) e Thiago Mendes (que, no ano seguinte, transferiu-se para o São Paulo). O atacante Erik, por sua vez, após se destacar com a camisa do Goiás entre 2014 e 2015, com 36 gols em 95 jogos), foi negociado com o próprio Palmeiras.

Em suma, no jogo do dia 21 de setembro de 2014, Felipe Menezes pertencia ao clube paulista e estava no banco de reservas, mas não entrou em campo. Em 2015, por fim, o jogador, por empréstimo junto ao clube palmeirense, chegou ao Goiás. Assim, com a camisa esmeraldina, Menezes balançou as redes 13 vezes. A saber, o meia atualmente defende a Aparecidense, que disputa a Série C.

Mesmo após derrota histórica para o Goiás, Palmeiras conseguiu fugir do rebaixamento

Ao final da partida entre Goiás x Palmeiras em 2014, Dorival Júnior, técnico do clube paulista na época, lamentou o resultado e prometeu recuperação. Em suma, a recuperação de fato aconteceu, já que o time conseguiu fugir do rebaixamento, terminando o Brasileirão na 16ª colocação, com 40 pontos, dois a mais que o Vitória (BA), equipe que abriu a zona de rebaixamento.

Estamos fazendo o que é possível. Estamos trabalhando com intensidade. O jogo de hoje foi uma situação inusitada. Não pode continuar como está. Precisamos de uma mudança de postura”, disse Dorival Júnior após a derrota.

Por fim, além do Vitória, o Bahia, o Botafogo e o Criciúma também foram rebaixados para a Série B naquele ano. Enquanto isso, o Goiás terminou a competição em 12º lugar, com 47 pontos, sendo 13 vitórias, oito empates e 17 derrotas. A saber, os goianos não conseguiram uma melhor posição por sofreu quatro derrotas seguidas nas quatro rodadas finais do Brasileirão.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast