Atlético-GO

No Uruguai, Atlético-GO supera Nacional em noite de reestreia de Luis Suárez e abre vantagem na Sul-Americana

As equipes voltam a se enfrentar pela Sul-Americana na próxima terça-feira (9), agora, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia,

Por: Danyela Freitas 02/08/2022 21:14

Nesta terça-feira (2), pelo jogo de ida das quartas de final da Sul-Americana, o Atlético-GO visitou o Nacional, do Uruguai. Assim, no Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu, o Dragão venceu por 1 x 0, com gol de Luiz Fernando. Com isso, a equipe brasileira larga em vantagem para garantir vaga na semifinal da competição. Saiba tudo com as Feras do Esporte!

Melhores momentos de Nacional x Atlético-GO

https://batershopp.com.br/

1º tempo

Os uruguaios já chegaram com perigo logo no primeiro minuto de jogo, com cabeceio de Gigliotti para fora. Em seguida, a equipe de casa trocava passes para tentar achar espaço na marcação do time brasileiro. No entanto, a equipe do técnico Jorginho se postou bem. Com isso, o clube do Uruguai quis aproveitar as bolas paradas. Aos 16’, Fagúndez cobrou falta, e Ronaldo se esticou para fazer a defesa. No rebote, mais uma vez, o arqueiro salvou.

A saber, no lance, o goleiro rubro-negro se machucou e precisou ser substituído por Renan. Aos 23’, o Atlético-GO abriu o placar. Assim, Léo Pereira cruzou da direita, e Luiz Fernando subiu sozinho para cabecear para o fundo das redes: 1 x 0. O Nacional ensaiou uma reação, mas a Dragão continuou com sua marcação mais forte. Aos 38’, Zabala chutou de canhota, e Renan defendeu. Por fim, nos minutos finais do 1º tempo, os uruguaios pressionaram, porém os brasileiros conseguiram se impor.

2º tempo

Aos 4’, Cándido pegou rebote de fora da área e finalizou, mas sem perigo. Em seguida, aos 8’, Carballo chutou bem, e Renan conseguiu mandar para escanteio. Aos 18’, em jogada ensaiada em cobrança de falta, Cándido encheu o pé, e a bola explodiu na trave. Em resposta, Churín ficou com a sobra e chutou, mas foi para fora, aos 24’. Momento histórico aos 28’: Luis Suárez fez sua reestreia pelo Nacional após 16 anos.

Aos 29’, Ocampo arriscou de fora da área, e o goleiro do Atlético-GO segurou. O duelo ficou mais pegado, com muitas faltas. Com isso, os donos da casa tentavam surpreender em jogadas de bolas paradas. Aos 38’, Suárez bateu falta, mas a pelota desviou na barreira, indo para escanteio. Posteriormente, aos 45’, Ramírez recebeu na área e chutou, mas a bola foi na trave. Por fim, sem mais emoções, vitória do Dragão por 1 x 0.

Agenda – Nacional x Atlético-GO

A saber, os times voltam a se enfrentar na próxima terça-feira (9), agora, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, às 19h15. Já pelo Brasileirão, neste sábado (6), o Atlético-GO recebe o RB Bragantino, às 19h. Antes disso, na sexta-feira (5), o Nacional encara o Rentistas pelo Campeonato Uruguaio.

1 Comentário

  1. Antônio Vagner de Paula disse:

    Adoro a bandeirantes am 820

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast