Vila Nova

Nada feito! Vila Nova contranotifica Cuiabá e não aceita a rescisão antecipada do empréstimo de Alesson

Vila Nova não aceita rescisão do empréstimo por motivos contratuais. Assessoria de Alesson emite nota de “inconformidade” à direção do Cuiabá.

Por: Pedro Marinho 13/10/2022 10:04

Alesson não retornará ao Vila Nova nesta temporada por razões de contrato (Divulgação/ Vila Nova)

 

Como informado anteriormente pelas Feras do Esporte, o atacante Alesson, do Vila Nova teve seu empréstimo rescindido antecipadamente com o Cuiabá. No entanto, o clube goiano não aceitou a rescisão antecipada e segue exigindo o cumprimento do contrato assinado com o auriverde. Confira detalhes.

A contranotificação por parte do Vila é justificada. O contrato previa o pagamento dos salários do jogador até o fim do ano pelo Cuiabá e, no caso da rescisão, quem arcaria com estas despesas seria o Tigre, mesmo sem poder utilizar Alesson em seu elenco. Por regulamento da CBF, o jogador não poderá atuar pela Série B antes da próxima janela de transferências.

Além disso, o atacante está em processo de recuperação de uma lesão. Caso não esteja apto a jogar até o fim do ano, o contrato com o Dourado pode ser prorrogado. Sendo assim, o retorno do jogador para o Vila Nova ocorreria quando Alesson estiver em condições de jogo novamente.

Nota do atleta do Vila Nova sobre a rescisão

A diretoria do Cuiabá justificou a rescisão do empréstimo declarando que Alesson não tem o perfil esperado pelo Dourado. Em declaração ao Globo Esporte, o vice-presidente do clube, Cristiano Dresch disse que o Cuiabá precisa de “jogadores com vontade de vencer”.

Diante disso, a assessoria do jogador emitiu, por meio das redes sociais, uma nota oficial. No texto, é relatada a inconformidade com a antecipação do fim do contrato de empréstimo e com as declarações da diretoria auriverde à imprensa. Confira trecho da nota:

“Com muita inconformidade, o atleta Alesson recebeu a notícia de que o Cuiabá antecipou o fim do contrato atual de empréstomo.

Em declarações à imprensa, um dirigente do clube direcionou a fala ao atleta dizendo que “faltou coragem” do atacante

Alesson nunca se atrasou em nenhum treino, jamais cometeu indisciplina e serviu ao Cuiabá com a responsabilidade que o clube necessita, principalmente neste momento, onde uma decisão como essa pode impactar o desempenho da equipe diante de jogos tão importantes pela frente no Brasileirão” 

Veja o texto completo

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast