Futebol pelo Brasil

Vila Nova

Higo Magalhães comenta sobre preparação para estreia do Vila Nova no Goianão; Confira detalhes

Após boa sequência no final de 2023, o clube colorado renovou com o treinador

Por: Renata Akutsu 17/01/2024 18:26

Vila Nova e Goiatuba se enfrentam pela 1ª rodada do Campeonato Goiano de 2024. O jogo acontece nesta quarta-feira (17), no Estádio Olímpico, a partir das 20h.  Acerca do confronto, o técnico da equipe colorada, Higo Magalhães, conversou com a imprensa. Portanto, confira todos os detalhes da coletiva com as Feras do Esporte!

>>> Entre no nosso grupo de WhatsApp e saiba tudo sobre o Tigre  <<<<<

A princípio, o técnico comentou sobre a preparação para o confronto entre Vila Nova x Goiatuba: 

“Uma equipe conduzida pelo Márcio [Goiano]. Um treinador experiente, e ele conseguiu repetir alguns atletas que teve êxito no ano do acesso. Com isso, também facilita na sequência de ideia do que ele pensa para jogo. Uma equipe que vai vir para competir muito.

Vai tentar também ter uma transição muito forte, vai variar dentro do jogo, tentar nos marcar alto, tentar se manter em bloco médio. Tentar nos provocar, para que a gente saia da zona de conforto, para que eles consigam desenvolver o jogo deles. Tem uma bola parada muito forte, tem jogadores altos que nos preocupam: Gilberto é um jogador com muita experiência pelo centro do campo. Então é um time experiente, é um time comandado por um treinador experiente.

[..] Nós nos baseamos muito na característica do comandante, que é o Márcio. Ele dificilmente foge do que ele tem como ideia de jogo. Nós já enfrentamos ele no ano passado, nós temos um estudo dele como comandante de alguns anos, de tudo aquilo que ele tem como ideia. […] Nós vamos tentar sinalizar, desde o primeiro jogo, que nós somos um time totalmente competitivo. Vamos sinalizar que nós vamos vir para esse ano para brigar com chance de título”.

EURODIESEL NOTICIA

A saber, Higo está utilizando João Lucas como 2º volante. Sobre esta nova função, o técnico destacou o desempenho do jogador:

João Lucas é um atleta que a gente vê com grande potencial. Acredito que possa ser um ano muito proveitoso para ele. É um jogador que tá se adaptando numa função diferente. Teoricamente, a gente vai ter que ter um pouco mais de paciência com ele. Tomara que ele consiga dar a resposta imediata, mas nós sabemos que tem um caminho pela frente. Pode ser que ele venha a conseguir tudo aquilo que ele tem como característica desde o primeiro jogo, ou pode ser que ele terá que ter uma sequência maior dentro da função.

Ele vem assimilando bem, mas agora a gente vai entrar num nível competitivo, contra adversários, aonde vai provocá-lo a entender mais rápido a função. […] É um jogador inteligente, um jogador técnico. Tá aumentando mais o seu nível de competitividade, […] mas eu acredito que ele tá no caminho, e agora esperançoso que ele consiga desenvolver um grande jogo, e que ele consiga potencializar o jogo dele”.

Além disso, sobre a chegada do Fernando Reges ao Vila Nova, Higo destacou: 

“Tenho um grande prazer em dizer que é um grande amigo. A gente se conheceu há muitos anos, tivemos a possibilidade de estar participando do último título estadual do clube. Teve uma vida profissional de grande sucesso.

Ainda tem esses anos para contribuir muito, principalmente para nós que estamos aqui. Uma felicidade muito grande em recebê-lo dentro do clube, aonde a gente tem muito carinho. […] E eu tenho certeza absoluta que a nossa torcida já percebeu todo esse caminho construído. É um atleta que merece ser tratada de forma diferente”.

Sobre a apresentação de Fernando para o torcedor colorado, Higo ressaltou como manter o foco dos jogadores antes do confronto: 

“Hoje nós estamos com uma equipe muito madura. Não só na questão da idade, mas na questão da vivência também. Lógico que tem alguns jovens e esses jovens vão ser conduzidos pela rapaziada que é mais madura.

Mais uma vez falando, Fernando merece um tratamento especial por toda a representatividade que ele tem, mas ele mesmo já falou aqui para o torcedor: vá para campo para ver o Vila, vai entusiasmado pro jogo”.

Por fim, sobre a mudança do jogo para o Estádio Olímpico, Higo concluiu: 

“O OBA tem a essência dele. Jogar aqui dentro é muito difícil para os adversários. Quando o adversário vem jogar dentro do OBA, ele já fica preocupado antes do jogo, e isso conta muito. 1º que é a nossa casa, nós temos a identidade muito forte com o OBA. Independente do jogo, independente do adversário, quando cai aqui dentro as coisas mudam o contexto”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast