Vila Nova

Frontini fala sobre reposição de Dudu no Vila Nova e afirma sobre contratações: “O clube nunca está fechado”

Vila Nova se apresenta com 5 novos contratados e algumas saídas no elenco.

Por: Ana Lívia Luis Dias 03/01/2022 15:15

O Vila Nova se apresentou para a temporada 2022 hoje (03), dessa maneira, o Diretor de Futebol, Frontini concedeu entrevista falando sobre o ano do clube, jogadores que saíram e que chegaram para a temporada.

Frontini fala sobre Dudu

Um dos principais temas foi a saída do volante Dudu, após temporadas brilhantes no Vila Nova (2020 e 2021), se transferiu para o Japão. Perdendo uma peça considerada importante, Frontini falou sobre a negociação:

“Dudu apareceu uma situação boa para ele. Era um atleta que indiscutivelmente teve o melhor ano da sua carreira e nós entendemos isso. Mas alguns pontos que as pessoas não sabem: O Dudu só tinha 11 meses de contrato, com 5 meses ele poderia assinar um pré-contrato. Tem hora que a gente precisa viabilizar uma situação para o clube e para o atleta, assim foi feito”.

Bem como quando perguntado se chegaria um reforço para substituir Dudu, Frontini entende que o elenco atual do Vila Nova oferta peças suficientes.

“Nós entendemos que estamos bem servidos. Deivid é muito capacitado, estamos subindo o Atanasio que é uma promessa muito boa, nós temos o Gustavo da base. Temos o Bambu e o Moacir que pode jogar ali, estamos bem servidos”.

EURODIESEL NOTICIA

Pablo

Outro assunto importante discutido foi o retorno de Pablo. Se destacou no clube em 2020, foi emprestado para o Bahia e agora tem a situação de sondagens por seu futebol.

“É um ativo do clube que até o momento não assinou nada, mas tem alguns clubes interessados e o representante deve dar uma posição para a gente nós próximos dias”, explicou Frontini.

Contratações

De acordo com o Diretor de Futebol exaltou a chegada dos novos contratados, 5 até o momento. Mostrou um Vila Nova de olho no mercado, porém com o elenco praticamente definido.

“Estamos muito contentes com a vinda do Matheus, assim como estamos contentes com a vinda do Wagner, do Jean, do Tony e  do Diogo, todos tem sua importância. O Matheus já teve uma brilhante história no Atlético e depois um acesso com o Juventude. O clube nunca está fechado, independente se é para o estadual ou brasileiro, se tiver uma peça, vamos atrás. Hoje entendemos que o grupo está quase fechado, mas estamos de olho no mercado”, contou Frontini.

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast