Goiás

CBF afasta árbitro por pênalti não marcado em Fortaleza x Goiás; entenda o caso

Duelo terminou empatado em 1 x 1

Por: Danyela Freitas 14/06/2022 08:53

Em resumo, na última quinta-feira (9), fora de casa, o Goiás encarou o Fortaleza pela 10ª rodada do Brasileirão. A saber, jogo terminou empatado em 1 x 1. No entanto, depois do duelo realizado na Arena Castelão, a diretoria do Tricolor do Pici enviou um ofício à Comissão de Arbitragem da CBF contestando um lance da partida em que o árbitro teria deixado de marcar pênalti.

Assim, tratava-se de um lance envolvendo Yago Pikachu, do Fortaleza, e Caetano, do Goiás. No momento, mesmo após revisão no VAR, árbitro Bruno Arleu de Araújo (Fifa-RJ) não marcou falta do zagueiro esmeraldino em cima do jogador do time mandante. Por fim, a Comissão de Arbitragem reconheceu o erro. Portanto, comunicou o afastamento do árbitro.

EURODIESEL NOTICIA

Por conta disso, Bruno Arleu de Araújo será encaminhado para o recém-criado Programa de Assistência ao Desempenho de Arbitragem (PADA). Assim, o árbitro não retornará a apitar uma partida oficial até que conclua sua passagem pelo programa de aperfeiçoamento da Comissão de Arbitragem.

VAR chamou o árbitro, que revisou lance, mas não assinalou penalidade máxima; CBF agiu

Em suma, o lance ocorreu aos 19 minutos do 1º tempo, ainda quando o Fortaleza vencia por 1 x 0. Yago Pikachu recebeu na entrada na área, tentou se livrar da marcação e, depois de disputa com o zagueiro Caetano, chutou para fora, caindo na área do Goiás. Dessa forma, o VAR revisou o lance. Em seguida, o árbitro Bruno Arleu de Araújo analisou e concluiu que não havia sido falta. Logo, autorizou a cobrança do tiro de meta feita pelo goleiro Tadeu, do Esmeraldino.

“Ele (Caetano) chegou a me empurrar no momento do chute. Pelo que senti, ele me empurrou antes de eu chutar, mas o juiz disse que eu estava apoiado e errei o chute”, disse Yago Pikachu em entrevista ao Premiere no intervalo da partida.

Árbitro revisou o lance (Imagem: Reprodução/Premiere)

Árbitro revisou o lance (Imagem: Reprodução/Premiere)

5 Comentários

  1. Cascatinha disse:

    Tinha que levar um gancho e não maís apitar série A. Nesse campeonato inadimissivel ver o lance de vários agulos em camara lenta e érrar fica a impressão que Foi proposital !!!

  2. Fraisino Afonso Pereira Correa disse:

    Isso é um absurdo,foi um lance de interpretação,o árbitro acertou ao não marcar o pênalti,ele não é obrigado a acatar a decisão do árbitro do var que quer mandar mais que o árbitro de campo,mostrou personalidade que a maioria dos árbitros não tem,uma punição injusta a esse excelente árbitro,um dos melhores do quadro da CBF.

  3. Afonso disse:

    Tem que suspender é esse tal de var e não o árbitro.

  4. Jesus disse:

    O árbitro não errou!!! Se o Picachu tivesse sentido alguma carga ele teria passado da bola ao chutar para gol. Tanto é que pegou no meio da bola e foi para fora à direita do gol. O juiz foi vítima neste episódio, estão forçando-o a aceitar o que seria erro na visão da comissão.

  5. Jesus disse:

    Se tivesse sentido a carga do empurrão, talvez ele tivesse acertado o gol…

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast