Atlético-GO

Willian Maranhão ressalta importância da torcida do Atlético-GO e fala sobre Fluminense: “É uma grande equipe mas também não é um bicho papão”

Em entrevista coletiva, Willian Maranhão falou sobre voltar a vencer e comentou sobre próximo jogo do Atlético-GO contra Fluminense

Por: Bruna Alves 03/10/2022 17:57

O Atlético-GO vem de vitória contra o Avaí fora de casa, após sequência de derrotas no Campeonato Brasileiro. Na tarde desta segunda-feira (3) em entrevista coletiva, Willian Maranhão falou sobre a sensação de voltar a vencer e sobre próximo jogo contra o Fluminense. Confira detalhes com as Feras do Esporte!

O jogador comentou sobre principal foco da equipe no momento, e que com a recente vitória, o emocional dos atletas é recuperado. Com isso, os jogadores já se preparam para partida contra o Fluminense, que acontece nesta quarta-feira (5), e Maranhão ressalta o importante apoio da torcida neste momento.

“O torcedor ele vem nos apoiando bastante, essa é a verdade. Mesmo nos momentos complicados que passamos no Brasileiro e vem nos apoiando, vem conversando bastante com com a gente aqui, com todo o elenco. Mas pode ter certeza que a gente vai se empenhar ao máximo em todos esses jogos. Já se empenhamos contra o Avaí, outra final contra o Fluminense e com certeza vamos fazer um grande jogo e se Deus quiser, vencer a partida.”

O jogador, ao ser perguntado sobre sua atual função no time, como terceiro zagueiro, falou sobre boa adaptação às mudanças feitas pelo técnico. Entretanto, Willian Maranhão contou que independente das trocas, está no Atlético-GO para ajudar a equipe.

Atlético-GO tem tudo para vencer próximo jogo

Sobre o estilo de jogo do futuro adversário, o zagueiro concordou em relação às dificuldades da próxima partida, por se tratar de uma equipe muito bem treinada. Logo após, ressaltou que o Dragão tem tudo para vencer, pois não se trata de um “bicho papão”.

“De fato é um jogo bem complicado, um jogo difícil, uma equipe muito bem treinada pelo Diniz. Mas eu acho que a gente, da forma que a gente vem marcando, da forma que a gente vem esses últimos dois jogos, um pouco mais concentrado, mais ligado e bem organizado… A gente tem tudo pra poder vencer na quarta-feira, é uma grande equipe mas também não é um bicho papão”, completou o jogador.

O zagueiro, que já atuou pelo Vasco, falou sobre o ex-companheiro de equipe Germán Cano, peça chave do tricolor carioca.

“Eu joguei um pouquinho com o Cano no Vasco quando ele chegou. Ali eu já vi que é um artilheiro nato mesmo. Não precisa de muito toque pra fazer gol. É a atenção redobrada ali de todos nós ali da linha de trás. É um jogador importante, mas com a marcação encaixada ali bem próxima dificulta um pouco pra ele. Então a gente marcando bem, com certeza ele vai ter dificuldade e assim não não vai ter perigo a nós, né?”

O comando da equipe

Willian Maranhão vem revezando a braçadeira de capitão do time com Churín, já que Marlon Freitas saiu do time titular. Com isso, foi perguntado sobre a responsabilidade de exercer a liderança nesta altura do Campeonato e falou sobre como está lidando.

“De fato nossa equipe tem bastante jogadores experientes, aonde no vestiário a gente conversa bastante. Não só eu como o Churín, como o próprio Marlon que não está atuando, mas está o tempo todo ali conversando com a gente. Ainda é o nosso capitão, né? Mesmo no banco, atualmente. Eu acho que é a responsabilidade de todos, todo mundo tem que assumir essa responsabilidade. É um momento complicado onde todo mundo tem que dar a cara assim a bater. Mas assim, é aquilo, é no vestiário, é cada um chamando o outro, dando um apoio, levantando parceiro ali porque é uma situação complicada, mas que é reversível.”

Ao final da coletiva, Maranhão ressaltou a importância do entrosamento do time nessa reta final e o fato de terem encontrado a formação ideal para a equipe. Com isso, os jogadores do Atlético-GO buscam mais uma vitória no jogo de quarta-feira.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast