Atlético-GO

Adson Batista fala sobre contratações e novidades sobre a ‘Liga Forte Futebol’; confira detalhes da entrevista exclusiva

Confira estes e outros assuntos!

Por: Bruna Alves 07/12/2022 23:01

No final desta quarta-feira (7), Adson Batista concedeu entrevista exclusiva para as Feras do Esporte da Rádio Band News Goiânia. O dirigente falou sobre a situação de alguns jogadores e abordou temas como a Liga Forte Futebol do Brasil (LFF). Confira detalhes!

De início, Adson Batista falou sobre Edson Fernando, que a diretoria tinha interesse em mantê-lo no clube, por ser um jogador de qualidade. Porém, o jogador pertence ao Rukh Lviv, da Ucrânia, que não entrou em acordo com o Dragão. De acordo com o dirigente, os ucranianos pediam R$1 milhão de euros para negociá-lo, o que se tornava inviável.

Sobre a posição do jogador, o dirigente declarou que já contratou outro atleta para a função. O atleta em questão é jovem, estava em clube da Série A e já disputou a Série B, mostrando capacidade. Em seguida, tratou sobre a atual situação de Dudu, que deixa o clube apenas se houver ‘investimento’.

https://batershopp.com.br/

“Ele não vai sair só por questão salarial. Mesmo porque o salário dele é alto para Série B, mas é um jogador que é um ativo para o Atlético. Pra sair tem que ter um investimento e é nisso que nós estamos trabalhando”, completou sobre Dudu. O atleta possui propostas de outros clubes, mas até então, abaixo do esperado pela diretoria.

Adson Batista explica o que significa uma equipe com ‘perfil de Série B’

Para a diretoria, os jogadores procurados para fazer parte da equipe são aqueles com ‘perfil de Série B’. Sobre isso, Adson declarou que estes são jogadores que possuem força, velocidade, que saibam disputar a competição e que estejam prontos para focar na Copa do Brasil e Campeonato Goiano.

Apesar do perfil, Adson Batista afirma que o time montado será o melhor possível e não uma equipe ‘mais fraca’ ou ‘menor’. A importância no momento é o interesse e vontade da equipe de recuperar o Atlético-GO na próxima temporada, que se inicia em janeiro, no Goianão. Com o time, o Dragão vem com condições de disputar as competições e quem sabe, ganhar títulos.

Adson Batista falou sobre a ‘Liga Forte Futebol‘, onde também está a frente, com o intuito de trazer melhor distribuição e maior equilíbrio no futebol brasileiro. Após voltar do Catar, onde ocorre a Copa do Mundo, o presidente CBF irá recebê-los e pretende trazer grandes novidades nos próximos dias, com propostas importantes. “O futebol forte defende situações mais equilibradas e mais justas e não pensa só em um ou dois clubes, que é o caso da ‘Libra’ “, declarou.

No final da entrevista, o dirigente falou sobre o agora técnico Eduardo Souza e a decisão em mantê-lo para 2023. A diretoria sentiu capacidade no comandante da equipe, onde mostrou ‘conteúdo e trabalho’ no decorrer da última temporada e continua em evolução.

Por fim, Adson Batista comentou o recente ocorrido no Corinthians, onde o auxiliar técnico foi demitido do clube após ser flagrado em ‘atos antidemocráticos’. “Hoje no Brasil estamos vivendo misturando as coisas. Questões políticas não tem nada a ver com futebol… Isso é um absurdo!”, completou o presidente.

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast