Atlético-GO

“Tomar gol é uma coisa que me incomoda”, diz Gazal na véspera do jogo do Atlético-GO contra o Crac

Zagueiro fala sobre bom desempenho do Dragão

Por: Teresa Prado 01/02/2023 18:18

Nesta quarta-feira (01), na véspera do jogo contra o Crac, Lucas Gazal cedeu uma entrevista coletiva. Assim, o atleta comentou sobre os gols que o Atlético-GO vem sofrendo apesar dos resultados positivos e do histórico do time no Goianão. Confira os detalhes com as Feras do Esporte!

Gazal opina sobre partidas anteriores

“A questão de sofrer gols em todas as partidas é uma coisa que incomoda todos os atletas, principalmente eu, que sou um zagueiro. Tomar gols é uma coisa que me incomoda. Algo que a partir do momento que você joga mais no campo do adversário, ao subir para pressionar, você fica mais exposto e dá mais chances para o adversário. Entretanto, isso não quer dizer que você tenha que tomar os gols, a gente não pode deixar acontecer. A gente tem que trabalhar todos os dias, ver os erros do jogo para nas próximas partidas não sofrer a mesma coisa dos jogos anteriores.”

“Depois de seis jogos nós temos um saldo bem positivo, de quatro vitórias, um empate e uma derrota. Eu tenho que evoluir muito, estamos no inicio da temporada, não tem como eu me acomodar. Preciso evoluir em todos os aspectos para estar no nível do Atlético-GO. Acho que a gente está numa crescente, nas primeiras rodadas a gente teve um campeão recente, um clássico contra o Goiás, um jogo em Iporá que não foi fácil e outro clássico que não perdemos. Infelizmente, depois fomos enfrentar o Anápolis e tivemos um resultado adverso. Entretanto, fizemos um bom jogo contra a Aparecidense. Mas temos que manter o pé no chão e trabalhar.”

Atlético-GO x Crac

“Campeonato Goiano sempre tem muitas equipes de muita qualidade, principalmente do interior. O Crac tem muitos jogadores bons e o sistema defensivo deles é de qualidade. Temo que é uma equipe muito boa e vai ser um grande jogo. […] Quando a logística é mais próxima, evitando viagens, consequentemente você gasta menos e nos ajuda mais. Mas, isso só vale a pena se a conquistar os três pontos.”

 

 

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast