Atlético-GO

Futebol pelo Brasil

Ainda não! Em confronto direto frenético, Mirassol goleia Atlético-GO, que chega a quatro jogos sem vencer na Série B

Dragão perde a chance de confirmar o acesso e leva decisão para a última rodada

Por: Júlia Laiany 18/11/2023 19:00

Na tarde deste sábado (18), Mirassol e Atlético-GO enfrentaram pela 37ª rodada da Série B. Dessa maneira, o Dragão buscou a vitória fora de casa, mas acabou sendo derrotado por 4 x 1. Com o resultado, o Rubro-Negro manteve aos 61 pontos ganhos, mas saiu do G4. Já o clube paulista somou 60 e ainda sonha com o acesso no duelo final.

>>> Entre no nosso grupo de WhatApp e saiba tudo sobre o Dragão <<<

Assista aos melhores momentos de Mirassol x Atlético-GO

1° tempo

A partida começou com os donos da casa tomando a iniciativa e indo para cima do Dragão. Dessa maneira, não demorou muito para as boas chances chegarem. Logo aos 3′, Thalisson Kelven deu um passe açucarado para Chico Kim, ex-Atlético-GO. O camisa 10 invadiu a área livre pela direita e finalizou cruzado sem chances para Ronaldo: 1 x 0 Mirassol. Os minutos seguintes foram marcados pela busca de reação do Rubro-Negro, que não conseguia concluir as jogadas e finalizar no alvo. Enquanto isso, o Leão se fechava na defesa e ditava o ritmo da partida.

Aos 22′, Lucas Ramon correu atrás de uma bola na área e chegou antes de Alix Vinicius, que deu um carrinho para tirar e acabou acertando o jogador. O juiz assinalou o pênalti, mas acabou indo conferir no VAR e anulou a marcação. Além disso, Lucas Ramon recebeu cartão amarelo na jogada por simulação. Já aos 28′ outro lance polêmico: Neto Moura chegou com uma entrada forte em Luiz Felipe e recebeu o amarelo pela falta. Jogadores do Atlético-GO reclamaram muito de uma expulsão, mas o árbitro não cedeu.

Depois, aos 36′, Lucas Ramon derrubou Matheus Sales perto da área e o juiz marcou a falta. Porém, após análise do árbitro de vídeo, foi constatado que o contato foi em cima da linha: pênalti para o Dragão. Luiz Fernando foi para a bola, mas acabou tirando demais e acertou em cheio a trave, perdendo a chance do empate. Para aumentar a vantagem, Chico Kim cobrou uma falta na medida na cabeça de Thalisson Kelven, aos 46′, que mandou para o fundo das redes: 2 x 0.

2° tempo

A segunda etapa começou semelhante a primeira: com os donos da casa indo ao ataque e sendo efetivos. Logo aos 2′, Baralhas fez falta em Negueba na área e acabou cedendo a penalidade para o Leão. Zé Roberto cobrou, Ronaldo defendeu, mas no rebote o centroavante não desperdiçou: 3 x 0. Com o andamento do jogo, as ações ficaram divididas. Aos 20′, Dodô aproveitou falha de Negueba no meio campo e chutou na entrada da área para diminuir para o Atlético-GO: 3 x 1.

Depois do tento, o Rubro-Negro começou a gostar mais da partida e foi para cima, apostando todas as suas fichas. Aos 29′, Matheus Peixoto aproveitou cruzamento de Airton e cabeceou, obrigando Muralha a fazer uma grande defesa. Já aos 31′, Alix também teve a chance, mas por pouco não aproveitou. Quando a equipe goiana estava melhor em campo e se encaminhando para mais um gol, o Mirassol jogou um balde de água fria na reação. Aos 35′, após uma falha atleticana, a bola sobrou com Cristian, que fechou o placar: 4 x 1. Na sequência, o Dragão não teve mais forças para reagir e a partida chegou ao fim sem mais emoções.

Agenda – Mirassol x Atlético-GO

Agora, o Rubro-Negro volta a campo no sábado (25), às 17h (horário de Brasília). Na oportunidade, o Dragão recebe o Guarani em jogo válido pela última rodada da Série B. No mesmo dia e horário, o Mirassol visita o Tombense, no Almeidão.

1 Comentário

  1. Luiz Carlos Zorzi disse:

    Sou dragão de coração, será que não vai dar para voltar a série A?

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast