Romário Policarpo diz que o comportamento do torcedor foi fundamental para Goiânia chegar a liberação de 100% de público

Romário Policarpo fala sobre liberação de 100% da capacidade dos estádios em Goiânia.

Por: Ana Lívia Luis Dias 05/11/2021 15:08

A Prefeitura de Goiânia vai publicar na terça (08) a liberação de 100% da capacidade dos estádios na capital. Entrevistamos com exclusividade o Presidente da Câmara Municipal, Romário Policarpo com Bruno Daniel.

Romário falou sobre o acompanhamento da vacinação no Brasil e o processo para chegar até a liberação de 100%:

“A gente acompanha o que está acontecendo no Brasil em relação à vacinação, a gente começa a ver centros como Rio, Minas, próprio estado do Pará liberando 100% de público. Então um sistema já normalizando na vacinação, pandemia, a gente consegue avançar nesse sentido de 100% de público. É claro que ainda com regras, as pessoas que vão adentrar o estádio precisam estar com a vacina completa ou teste de COVID feito nas últimos 48 horas, mas isso trás esperanças até para a sociedade que nós estamos reestabelecendo a normalidade”.

Romário Policarpo foi um dos expoentes na luta para o retorno gradativo nas atividades do futebol quando foi paralisado pela pandemia.

“A gente tem que sempre preservar a saúde, mas as pessoas precisam trabalhar, as pessoas precisam levar renda para suas casas e no futebol não poderia ser diferente. A grande preocupação nossa é que começou a tratar o futebol apenas para diversão e a gente sabe que não é assim. Todos os clubes tem centenas de funcionários, os jogadores de futebol, toda uma estrutura que depende do futebol para levar seu pão de cada dia. Então lá atrás a gente começou a trabalhar pela liberação dos treinos, para que os jogadores voltassem a se condicionar”, explicou Romário.

https://batershopp.com.br/

Sobre a liberação, o vereador cita um momento de felicidade para a sociedade:

“Eu acho que esse momento na terça (08) que vai sair o decreto é um momento até de felicidade, não só para os clubes, mas também para a sociedade goianiense que enxerga um retorno àquele normal que a gente deseja e sente falta”.

Romário também explicou o caminho para chegar até os 100% liberados:

“A gente começou testando com 30% de público, fazendo muitos testes não só no futebol, como também alguns eventos na cidade, grande evento que foi o show do Gusttavo, a gente até agradece porque ajudou não só a Prefeitura de Goiânia, mas o Governo do Estado a ter um panorama de como seria um evento para 15 mil pessoas, com pessoas testadas e vacinadas, agora a gente tem um mapa posterior a esse evento, se a cotaminação iria aumentar, ela se manteve estável, sem um aumento da doença e era o que a gente precisava para retornar o público 100% nos estádios”.

Uma novidade no novo decreto é que crianças vão poder adentrar os estádios: “Crianças com menos de 12 anos de idade, como não fazem parte do calendário de vacinação de COVID, também podem adentrar ao estádio sem a vacina ou teste”.

Atlético-GO, Goiás e Vila Nova terão uma semana importante e devem contar com suas torcidas, por isso, Romário fará uma comunicação aos Presidentes que podem se organizar para a carga máxima de ingressos:

“Goiás pode fazer a programação para 100% de público, acho até que deve ter, estão bem na tabela, mas não só o Goiás, mas o Vila Nova com jogo importante na Copa Verde e depois contra o Vasco. Para o Atlético, com o Santos no sábado, os times podem se programar, vou ligar para o Adson (Presidente do Atlético-GO) e Paulo (Presidente do Goiás) para que coloquem 100% dos ingressos”.

Sobre os públicos nos jogos que já aconteceram, Romário declarou: “Acredito que o torcedor goiano foi aquele que mais respeitou os protocolos” e completou: “A gente teve essa felicidade de ter o torcedor entendendo, respeitando o protocolo e é graças a eles que a gente pode chegar nesse momento”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast