Goiás

Jogo quente! Goiás sai na frente do placar, mas perde de virada para o Náutico fora de casa

O Goiás entrou em campo fora de casa, no Estádio Aflitos contra o Náutico, com o objetivo de se manter no G4. O time de Marcelo Cabo, vinha de uma sequência irregular de três derrotas e uma vitória, mesma sequência do rival  pernambucano que diferente do time goiano ocupava a 9ª colocação e lutava  para […]

Por: Ana Lívia Luis Dias 05/10/2021 23:32

O Goiás entrou em campo fora de casa, no Estádio Aflitos contra o Náutico, com o objetivo de se manter no G4. O time de Marcelo Cabo, vinha de uma sequência irregular de três derrotas e uma vitória, mesma sequência do rival  pernambucano que diferente do time goiano ocupava a 9ª colocação e lutava  para chegar ao G4. Nessa disputa quem levou a melhor foram os donos da casa.

EURODIESEL NOTICIA

Foto: Twitter – Goiás-EC

Primeiro tempo

Em campo os donos da casa começaram assustando, primeiro com Vinicius que finalizou e a bola explode no poste superior do gol de Tadeu. Na sequência o goleiro esmeraldino fez um verdadeiro milagre, após cruzamento da esquerda, Jailson cabeceou, e Tadeu fez uma defesa espetacular. Mas quem marcou o primeiro gol foi o Goiás com Alef Manga, aos 7, em jogada errada do Náutico, Élvis roubou a bola e acionou Alef Manga na ponta esquerda, o atacante avançou e bate na saída do goleiro, colocando o Goiás  na frente. Mas na metade do jogo o Náutico controlou as ações do jogo, o Goiás tinham dificuldade de segurar a bola no meio campo e sofreu com os contra- ataques do rival, aos 23, após cruzamento de Júnior Tavares pela esquerda, Caio Dantas subiu livre nas costas de Reynaldo para cabecear e deixou tudo igual no Aflitos. Aos 28, Matheus Jesus tentou duas vezes, parou em grande defesa de Tadeu na primeira, mas mandou para as redes na segunda e virou o jogo. Náutico 2 x 1 Goiás. Alef Manga tentou até o fim mas não deu, aos 43, ele bateu rasteiro, e o goleiro defendeu com a ponta dos dedos.

Atacante Alef Manga no intervalo:  ”Consegui fazer um gol, mas queria falar da arbitragem. Deixou de marcar um pênalti para nós e era bola nossa no lance do segundo gol do Náutico. O Tadeu está salvando, era para termos levado quatro ou cinco gols”

Segundo tempo:

O Goiás voltou sem alterações para a segunda etapa, logo aos 6, Jean Carlos marcou para o Náutico, mas o bandeira marcou impedimento. Aos 12, duas alterações foram feitas no Goiás, Nicolas sai para entrada do atacante Welliton, o lateral Ivan, sai e da lugar ao volante Caio. Aos 16, Welliton driblou o goleiro Anderson, bateu rasteiro, mas Camutanga salvou. Aos 23 Dada Belmonte entrou no lugar de Luan Dias. O Goiás começava a fazer um segundo tempo melhor que o primeiro, foi golpeado aos 28 minutos, Vinícius cruzou rasteiro, e Camutanga finalizou no cantinho de Tadeu. Aos 32, Elvis levantou na área do Náutico, mas Matheus Jesus cortou pelo alto. O Goiás pressionou pelo empate nos minutos finais, Artur cruzou na medida para Dadá Belmonte, que cabeceou no contrapé do goleiro Anderson e diminuiu para o alviverde aos 41 minutos. O Goiás pressionou até o fim, mas não deu. Fim de Jogo, Náutico 3 x 2 Goiás.Como fica, torcedor?O Goiás só vai permanecer na 4ª colocação, caso o CRB, perca para o Botafogo no jogo que acontece na sexta-feira (08), ás 19 horas no Engenhão.Próximo jogo:O próximo jogo do Goiás será contra o CSA, na Serrinha ás 16:00 horas, em jogo válido pela 30ª rodada da Série A.Público e Renda Náutico 3×2 GoiásPúblico 2.500 PaganteRenda 60.615.00

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast