Futebol pelo Brasil

Vila Nova

Foco total! Vice-presidente do Vila Nova ressalta trabalho de Higo Magalhães e comenta sobre a preparação para última rodada

O Tigrão é o 4º colocado na tabela, com 61 pontos

Por: Renata Akutsu 21/11/2023 10:30

No último sábado (18), o Vila Nova venceu o Ceará, em casa, e retornou ao G4. Sendo assim, o Tigrão chega na última rodada, dependendo apenas de si para conquistar o acesso. Após o confronto, Leandro Bittar, vice-presidente do clube, conversou com a imprensa. Portanto, confira todos os detalhes com as Feras do Esporte!

>>>> Entre no nosso grupo de WhatsApp e saiba tudo sobre o Tigre <<<<<

https://batershopp.com.br/

A princípio, Leandro Bittar destacou a contratação de Higo Magalhães como técnico do Vila Nova: 

“O Higo […] conhece muito o clube, tem uma história gigantesca aqui dentro. Até maior do que muitos aqui, que estão hoje na gestão, que estão na direção. Já vivenciou bons e maus momentos aqui dentro, então é um cara tranquilo, sereno. A gente, quando fez a opção por ele, foi justamente por entender que ele conhecia esse ambiente, sabia muito bem o que era preciso, o que era necessário. Ele sabe fazer essa leitura. […] Alguns jogadores já o conheciam, o que traz uma tranquilidade. E é isso que a gente vê hoje, no dia a dia, nos treinos, no trabalho”.

Além disso, ele completou destacando o desempenho dos jogadores colorados: 

“E acho que o mérito é de todos. Não só do Higo. Ele tem um papel fundamental, mas todos os jogadores também abraçaram a causa e nunca desistiram. Eu acho que esse foi o principal, para que a gente pudesse chegar nesse momento ainda com essa oportunidade nas nossas mãos. Mas com uma oportunidade real de conquistar aquilo que pode ser algo maior na história do clube.

[…] Acho que o os atletas são maduros e conscientes o suficiente para entender esse momento e o quanto isso representa para o clube. […] De nada adianta, de alguma maneira, se preocupar com os bastidores e esquecer o foco principal, que é a vitória”.

O vice-presidente falou sobre a preparação para a última rodada: 

“A gente trabalha para isso. A gente vai comemorar. É lógico a gente comemora a vitória, mas a gente não comemora [o acesso], porque não conquistamos nada. A gente ainda tem uma rodada. A gente ainda precisa buscar o nosso resultado, que é o que nos interessa. […] O foco vai ser esse. O objetivo é esse. […] Aqui dentro, a gente entende que a única coisa que resolve é o trabalho. Então foco total para que a gente possa sair vitorioso lá”.

Por fim, ele comentou sobre a trajetória do Vila Nova na temporada: 

“A gente teve um início muito bom, conseguiu ter uma arrancada ali, naquelas primeiras rodadas. A gente conseguiu estar sempre dentro daqueles times próximos do G4, ou no G4. Eu acho que o mais perigoso, e o momento mais delicado, é quando você atinge a liderança […]. Aquilo ali, acho que tirou um pouquinho o nosso foco.

[…] Eu acho, que naquele momento, a gente passou a não olhar para o nosso objetivo e olhar para quem estava fora do G4. […] Mas a gente tem um grupo muito maduro, responsável, de jogadores que tem uma liderança”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


NOTÍCIAS

podcast